A falta de Limites Nossa de Cada Dia
Leila Cohn e Ártemis Marinho - Setembro 2009


Como a naturalização do rompimento de fronteiras se reflete em nosso dia-a-dia enquanto sujeitos? E enquanto pais, educadores de gerações futuras, enquanto vizinhos, colegas de trabalho? O que isto forma nas redes sociais em que vivemos?

Numa sociedade que estimula a rapidez de respostas e a avidez de ganhos, como a cultura do "time is money" afeta o dia-a-dia das pessoas, dificultando a sustentação de limites? Como isto propicia excessos no cotidiano? Como os pequenos excessos afetam ao longo do tempo?

Que relação podemos estabelecer entre este padrão de funcionamento e a organização dos nossos mapas cerebrais?

Como o pulso acelerado na vida afeta as pessoas, sua saúde e seu estado de espirito? Como afeta o cotidiano das famílias?

Levantamos estas breves questões com o propósito de gerar uma reflexão sobre o nosso dia a dia, que será aprofundada em nossos programas educativos e futuramente, em artigos postados em nosso site.



Em julho de 2015 Leila Cohn entrevistou Stanley Keleman sobre o processo de envelhecimento e os desafios de ser mais velho na sociedade atual.
Leia a entrevista, clique aqui

Agora todos os vídeos com legenda em português
videos legenda
clique aqui para assistir

Formação Profissional 2018 Saiba Mais

Fale Conosco | Links